Dia da imigracao alema

Os primeiros imigrantes alemães chegaram a Porto Alegre, capital da província de São Pedro do Rio Grande, em 18/7/1824. Logo depois, foram enviados para a desativada Feitoria do Linho Cânhamo, um estabelecimento agrícola do governo, que não dera resultados. Essa feitoria localizava-se à margem esquerda do Rio dos Sinos. 

Em 25/7/1824, esses 39 imigrantes, sendo 33 evangélicos e seis católicos, chegaram ao seu destino. Esta é a data de fundação de São Leopoldo, de onde vem o título de Berço da Imigração.

Eles foram instalados na Feitoria até que recebessem seus lotes coloniais. O Governo do Estado batizou o núcleo de imigrantes de Colônia Alemã de São Leopoldo, que se estendia por mais de mil km², abrangendo na direção sul-norte, de Esteio até Campo dos Bugres (hoje, Caxias do Sul), e em direção leste-oeste, de Taquara (hoje) até o Porto de Guimarães, no rio do Caí (hoje, São Sebastião do Caí).

Aos poucos, outros imigrantes ocuparam os vales do Rio dos Sinos, Cadeia e Caí, lançando progresso através da dedicação ao trabalho, o que possibilitou que a colônia Alemã se emancipasse de Porto Alegre. 

Concorreu para este fato serem os alemães, além de "landmann" (agricultor), "hand-werker" (artesão). Resultou daí a variada produção que originou o embrião industrial do Vale do Rio dos Sinos.

Para a familia Voltz, a imigração começa em 1829, quando o pioneiro Leonhard Volz desembarca em Picada Rio Cadeia, como já contei nos artigos Olbers  e São Jose do Hortêncio e o Pioneiro Leonhard Volz         

Nenhum comentário

Obrigado pelo seu comentario!!! Volte Sempre!!!

Tecnologia do Blogger.