Pular para o conteúdo principal

Os maiores festivais de música erudita da Alemanha

musica erudita da Alemanha

A música erudita em festivais, na terra dos ancestrais dos Voltz (e Volz), a nossa Alemanha,  a harmonia dos ritmos é o destaque


A Alemanha mantém cerca de 500 festivais de música erudita, com os mais diversos focos e dimensões. A DW preparou um perfil – incluindo um pouco de história e eventuais códigos de vestimenta – de sete dos eventos mais interessantes do país – e, de quebra, um na Áustria. 

Bayreuther Festspiele (25/07-28/08/2015)

Assim desejou o compositor e homem de teatro Richard Wagner (1813-1883): longe do burburinho das metrópoles deveria se realizar um evento de várias semanas inteiramente dedicado à apresentação de suas óperas. O local escolhido foi a pacata cidadezinha de Bayreuth, na Baviera, sul da Alemanha. A primeira edição transcorreu em 1876, estabelecendo o formato-fórmula que permanece basicamente inalterado até hoje.

Salzburger Festspiele (18/07-30/08/2015)

Na rua entre a Escola de Equitação e o Grosses Festspielhaus, o teatro dos festivais, o público se reúne nas noites mornas de verão, na cidade natal de Wolfgang Amadeus Mozart, na Áustria. Como num ritual, cada edição do Festival de Salzburgo é aberta, desde sua criação, em 1920, com Todo Mundo(Jedermann), peça alegórica de Hugo von Hofmannsthal, cofundador do festival, numa montagem ao ar livre diante da Catedral.

Schleswig-Holstein Musik Festival (11/07-30/08/2015)

Fundado em 1986 pelo pianista alemão Justus Frantz, desde sua edição inaugural esse festival contou com o prestígio de um convidado VIP: o compositor, maestro e pianista americano Leonard Bernstein, que também participou nos anos seguintes.
Consta que o que convenceu Bernstein a apoiar foi o caráter do Festival de Música de Schleswig-Holstein: campestre, informal, simpático e povoado por artistas acessíveis – da mesma forma que o evento lançado pelo músico americano em Tanglewood, Massachusetts.
Fala-se muito numa crise da música erudita, mas nessa cidade do norte alemão ela não se faz notar. Transcorridas quase três décadas, floresce esse festival que se realiza em locais espalhados por toda a Alemanha, com seu número de apresentações elevado para 180 em 2015.

Spannungen: Musik im RWE-Kraftwerk Heimbach (8-14/06/2015)

O festival de música de câmara "Tensões: Música na Usina Heimbach" reúne "músicos absurdamente talentosos", nas palavras de seu fundador e diretor, Lars Vogt. Desde 1998, os "Friends of Lars" – como se denominam os que atendem ao chamado do pianista alemão – se encontram para tocar juntos na cidadezinha de Eifeldorf, ao sul de Colônia.

Tage Alter Musik Regensburg (22-25/05/2015)

Em 1984, esse festival de música pré-clássica foi criado por três antigos membros do coro infantil Regensburger Domspatzen. Dois deles, Stephan Schmid e Ludwig Hartmann, mantém a direção artística, mostrando a cada ano quão jovem, variada e excitante é a assim chamada música antiga. O faro de ambos para jovens talentos é tão apurado, que o "Dias da Música Antiga" já se estabeleceu como vitrine dos futuros astros nesse segmento da arte erudita.

Kissinger Sommer (19/06-19/07/2015)

O Verão de Bad Kissingen é o festival das distâncias curtas e dos programas longos. Embora a pequena estação balneária na Baviera não vá muito além de um spa, duas igrejas, os banhos termais do Wandelhalle e o salão de festas Regentensaal, lá os melhores músicos do mundo marcam presença.

Bachfest Leipzig (12-21/06/2015)

Os leipziguianos têm todo direito de ser orgulhosos: Johann Sebastian Bach (1685-1750) passou seus últimos 27 anos de vida e produção artística nessa cidade no leste alemão, estando sepultado na Igreja de São Tomás.

Beethovenfest Bonn (4/09-4/10/2015)

Em 1845, quando Ludwig van Beethoven (1770-1827) completaria 75 anos de idade, o compositor, pianista e mecenas das artes austro-húngaro Franz Liszt fundou um pequeno festival em homenagem ao célebre filho de Bonn. No entanto, semelhante ao festival de Leipzig, o Beethovenfest só pegou realmente impulso em 1999.
Fonte: DW

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Casa em estilo enxaimel, tipicas construções alemãs

Estilo Enxaimel
“O Enxaimel, ou Fachwerk (originário de “Fach” assim denominavam o espaço preenchido com material entrelaçado de uma parede feita de caibros), é uma técnica de construção que consiste em paredes montadas com hastes de madeira encaixadas entre si em posições horizontais, verticais ou inclinadas, cujos espaços são preenchidos geralmente por pedras ou tijolos. 
Os tirantes de madeira dão estilo e beleza às construções do gênero, produzindo um caráter estético privilegiado. Outras características são a robustez e a grande inclinação dos telhados. Na adaptação do enxaimel às características climáticas da região, foi necessária a implantação, por conta da elevada umidade local, de uma estrutura feita de pedra que sustenta as construções evitando que a madeira se molhe.
Casa em estilo enxaimel
As casas no chamado estilo enxaimel são uma das principais atrações turísticas em qualquer região de colonização alemã. Quando os primeiros alemães chegaram ao Brasil, a arqu…

Canção de Ninar em alemão

Esta linda canção de ninar, traz-me lembranças, na minha infância eu escutava ela.. é tão melodiosa e tranquila, parece uma linda prece. Trouxe aqui a letra e música (com tradução) em um vídeo emocionante de Vicky Leandros.

Guten Abend, Gute NachtCanção infantil Guten Abend, gut' Nacht!
Mit Rosen bedacht,
mit Näglein besteckt,
schlupf unter die Deck'!
Morgen früh, wenn Gott will,
wirst du wieder geweckt,
morgen früh, so Gott will,
wirst du wieder geweckt.
Guten Abend, gut'Nacht!
Von Englein bewacht,
die zeigen im Traum
dir Christkindleins Baum,
Schlaf nun selig und süß,
schau im Traum's Paradies,
schlaf nun selig und süß,
schau im Traum's Paradies.

Tradução:

Boa noite, boa noite!
preocupado com as rosas,
corados com cravos,
deslizar sob o cobertor!
Amanhã de manhã, se Deus quiser,
você vai acordar mais uma vez,
amanhã, se Deus quiser,
você vai acordar mais uma vez.
Boa noite, boa noite!
guardada por anjos,
o show em um sonho
seu filho Jesus
Durma agora de…

Dia da Unidade Alemã

3 de outubro é o Dia da Unidade Alemã e é dia de todo alemão comemorar. Há 26 anos, a Alemanha se reunificava, um ano após a queda do muro de Berlim, dando um fim à divisão do país ocorrida depois da Segunda Guerra Mundial. Por isso, hoje é feriado nacional na Alemanha.

Dresden, Capital da Saxônia é apreensiva anfitriã da cerimônia pela reunificação da Alemanha, centenas de milhares são esperados. Mas atos xenófobos mancham sua imagem, e o medo de atentados norteia as medidas das autoridades.
Apesar do devastador bombardeio no fim da Segunda Guerra Mundial, a cidade de Dresden, no Leste da Alemanha, tem muita beleza arquitetônica a oferecer. Dois de seus mais imponentes edifícios estão em foco nesta segunda-feira (03/10), quando o país comemora o 26º aniversário de sua reunificação pacífica.
Na igreja Frauenkirche – símbolo da cidade, reconstruído com baita engajamento por parte dos cidadãos – é celebrado um culto ecumênico. Na Semperoper, uma das mais famosas casas de ópera do mundo…