13 de jul de 2010

Vozes e dialetos alemãos no Sul do Brasil


A familia Voltz, era fluente em alemão, falavam com desenvoltura no coloquial e no social, muitas vezes era incompressível para os não "iniciados" nesse interessante dialeto, muitas vezes chamado popularmente de "alemão da colônia". Essa interessante maneira de se comunicar está bem explicado abaixo, confira: 

A typical view of the Hunsrück countryside.
Image via Wikipedia
O Hunsrückisch ou Riograndenser Hunsrückisch ("hunsriqueano riograndense") é um dialeto alemão falado na região do Hunsrück no sudoeste da Alemanha e nos estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná , no Brasil. Vale notar que existem vários dialetos similares em regiões vizinhas na Alemanha, do Mosel ao Franco-renâno.

Com a imigração alemã ao Brasil, no decorrer dos últimos 180 anos, o Hunsrückisch também veio a se estabelecer como uma língua regional sul-brasileira. Em vista das diferenças entre o dialeto falado na Europa e o que é praticado no sul do Brasil, em 1996, Cléo Altenhofen cunhou o termo Riograndenser Hunsrückisch. Obviamente a forma brasileira do dialeto foi muito influenciada pelas novas fauna, flora e pelo novo idioma nacional no qual foi inserida. Muito embora em menor escala, direta ou indiretamente, o hunsrückisch também foi influenciado por outros idiomas minoritários presentes a seu redor (i.e. italiano, em situações de convivência, mbyá-guaraní através do português, etc…). O fato de o hunsrückisch ter surgido numa região da fronteira da Alemanha com a França, ao se analisar cuidadosamente o seu vocabulário (por exemplo, palavras como pêssego, envelope, retorno), pode-se perceber que o dialeto sofreu influência também da língua francesa.

Não existem estatísticas precisas quanto ao número de pessoas que consideram o hunsrückisch sua língua materna ou que são fluentes ou mesmo que conseguem se comunicar nessa língua em algum grau de fluência, mas as estimativas estão na casa dos milhões. Note-se que a vasta maioria dos falantes do hunsrückisch no Brasil é fluente em português, devido a isso, em muitos casos,o hunsrückisch não costuma ser utilizado fora do lar ou fora de suas comunidades.

Para entender melhor a sonoriedade deste dialeto, confira este vídeo (abaixo) publicado no YouTube, do site hunsrik.org .


Um comentário:

  1. Qualquer dialeto e sua origem eu acho o maior barato. E saber de mais esse foi bem significante.
    Você é o cara amigo.
    honra muito a sua origem.
    abçs

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentario!!! Volte Sempre!!!

Artigos Populares

Arquivo do blog

Lista de Blogs