Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2010

Data da festa do Natal tem origens pagãs

Na Alemanha, como no Brasil, é na véspera de Natal que se presenteiam parentes e amigos. 
Image by Patricia Oliveira via FlickrMas a comemoração é em 25 /12, quando, em muitos países, também transcorre a troca de presentes. Por que o Natal cai nesse dia?
A questão do Natal é parecida com o mistério da concepção da Virgem Maria. Ninguém sabe ao certo como aconteceu. Nos primeiros séculos da nossa era, havia na Palestina até mesmo cristãos que comemoravam o nascimento de Jesus em maio. Tradição, aliás, que muitos alemães até pensam não ser uma má ideia, considerando o estresse de fazer as suas últimas compras de Natal enfrentando o frio e ruas abarrotadas de neve. Natal invernal desde século 4º A tradição de se festejar o Natal durante o inverno europeu foi estabelecida no século 4º. Em 336, o 25 de dezembro é mencionado oficialmente pela primeira vez como o aniversário de Jesus. Mas o motivo dessa escolha é discutido pelos estudiosos até hoje. Alguns dizem que a data decisiva pa…

Gastronomia Alemã de Natal,

A referencia às deliciosas bolachinhas de manteiga (butterplätzchen) rendeu pedido de receita, por isto estamos aqui reproduzindo a receita, tradicional em todas as familias alemãs. 
Vamos lá, adicionando que, na Alemanha, as crianças curtem cortar e decorar as bolachinhas antes de ir ao forno.

Receita básica de butterplätzchen (bolachinha de manteiga)
Ingredientes:
540 gramas de farinha, 360 gramas de manteiga macia, 2 pacotinhos de açúcar de baunilha, casca ralada de um limão, 1 pitada de sal, 4 gemas e 180 gramas de açúcar de confeiteiro.
Modo de preparo: Bater a manteiga com o açúcar de baunilha, a casca de limão, o sal e bater até ficar cremoso. Aos poucos, acrescentar as gemas e o açúcar de confeiteiro. Por último, juntar a farinha previamente peneirada. Não é necessário bater muito. Esta massa básica pode ser modificada para algum tipo especial de bolachinha, bastando acrescentar mais algum ingrediente, como coco ralado, por exemplo.
A massa deve ser aberta com o rolo sobre uma super…

A polêmica da árvore de Natal

Apesar do consumismo e do sufoco dos preparativos, o Natal ainda continua sendo uma festa de tradições na Alemanha. As igrejas ficam mais cheias, ouvem-se canções natalinas em todas as partes, velhos costumes são revividos. Uma das tradições mais cultivadas é a da árvore de Natal: antes um símbolo pagão que a Igreja só adotou após muita relutância.
Todos os anos, cerca de 22 milhões de árvores de Natal enfeitam as residências alemãs. Na maioria dos casos são pinheiros naturais de vários tipos, formatos e tamanhos. Sempre decorados com velas de cera ou modernas correntes de luzinhas elétricas, além de bolas coloridas de vidro fino espelhado e enfeites de todos os tipos.
Para os alemães, independentemente da religiosidade de cada um, a árvore de Natal é um símbolo de paz, tranqüilidade e introspecção. Quando se pergunta às pessoas sobre o motivo de tal ligação com o pinheiro natalino, a resposta é quase sempre a mesma: o Natal é uma festa das crianças. E dela faz parte a árvore, que ale…

Tradições Natalinas Alemães - II - Gastronomia

Image by Bluecherry1408 via FlickrMuitas famílias alemãs comem na ceia de Natal ganso recheado. Típicos da época natalina são também vários tipos de bolachas e biscoitos, o vinho quente, as maçãs assadas. 
Com a vida agitada na sociedade moderna, não serão todas as alemãs que fazem as deliciosas plätzchen (foto ao lado), bolachinhas dos mais variados formatos e enfeitadas com todo capricho. Mas dona-de-casa que se preze sempre passa algumas horas na cozinha em dezembro, assando suas próprias bolachas e biscoitos. Principalmente se tem filhos, que não perdem a oportunidade de ajudar a cortá-los com as forminhas e, depois, decorá-los.
As bolachinhas, aliás, servem para consumo próprio, para oferecer às visitas ou então, embaladas com bom gosto e imaginação, para se dar de presente
Fonte: Deutsche Welle

A canção Noite Feliz, uma inspiração para o Natal

Image by J. Stephen Conn via FlickrUma das canções mais bonitas de Natal, Noite Feliz sempre me tocou e emocionou, ainda mais há uma semana da data natalina. Achei em um link do Terra / AFP um pouco desta história da música. Para acompanhar-la um clipe com a letra (original, em alemão) cantada por Nana Mouskouri.
Em 24 de dezembro, milhares de turistas irão mais uma vez para Oberndorf, perto de Salzburgo (região central da Áustria), onde há 192 anos foi composta Noite Feliz, que talvez seja a canção natalina mais conhecida do mundo.
Stille Nacht, Heilige Nacht em alemão,Noite Feliz em português, Silent Nightem inglês, Douce nuit em francês: hoje traduzida para 330 idiomas, a canção de Natal austríaca foi criada por acaso, quando quebrou o órgão da igreja do povoado de seis mil habitantes.
Em 1818, dois dias antes do Natal, o antigo órgão da igreja de São Nicolau, a paróquia do padre Joseph Mohr, parou de tocar. Para não decepcionar os fiéis, o sacerdote pediu ao amigo Franz Xaver Gruber,…

Mobilização pelo dialeto Hunsrik

Image by mkorsakov via FlickrEm Santa Maria do Herval, região de Novo Hamburgo, RS, surge forte a mobilização em favor do Hunsrik - a faceta brasileira/latino-americana do Hunsrückisch. Cada língua é parte de uma família lingüística, tem "parentes". 
Se uma destas já foi descrita fonologicamente, ou se esta já tem ortografia e talvez até literatura, é bom estudar esta situação. Para o Hunsrik isto se aplica: os imigrantes da Alemanha, Suíça, Áustria do século 19 e 20 saíram de uma cultura onde uma educação escolar já tinha um grande valor e estava ao alcance da maior parte da população, inclusive dos que migraram. Por isso, a língua Alemã – não do Hunsrik, que figurava como "dialeto" e não era codificado – foi ensinada nas escolas até a sua proibição durante a Segunda Guerra Mundial. 
Os falantes da língua germânica Hunsrik, se quiserem escrever a sua língua materna, tinham que aprender Hochdeutsch que era codificado desde o século 16 quando o Dr. Martinh…

Adotar o alemão como idioma oficial do país gera polêmica

Image via Wikipedia
Quando um país é formado por várias etnias e culturas, conflitos podem demorar a surgir, porém são inevitáveis, a discussão atual na Alemanha é a oficialização do idioma alemão Associações entregam petição reivindicando adoção do alemão como língua oficial da Alemanha. Organizações de imigrantes acompanham o debate com desconforto por temer exclusão das minorias e perda de identidade cultural.No último dia 09/11, representantes da Associação do Idioma Alemão (VDS) e da Associação para as Relações Culturais Alemãs no Exterior (VDA) entregaram cerca de 50 mil assinaturas ao presidente do Parlamento alemão, Norbert Lammert, reivindicando que o alemão seja adotado como língua oficial no país.

"O idioma da Alemanha é o alemão". É a frase que a VDS espera ver futuramente na Lei Fundamental. "Acreditamos que o alemão desfrute de pouco prestígio em nossa sociedade", afirma Holger Klatte, porta-voz da associação, referindo-se ao peso do inglês na…

São Martinho, dia de procissão, ganso assado e carnaval

Realizou-se no último dia 11/11, a tradicional festa de São Martinho, lendas ligadas deram origem a tradições que ainda permanecem vivas na Alemanha. Elas estão ligadas ao 11 de novembro, data em que o santo que não queria ser bispo foi enterrado, há 1600 anos.

O 11º dia do 11º mês do ano é especial na Alemanha. Nesta data (e ao longo de toda a semana) são realizadas procissões infantis de São Martinho (St. Martin). Também é o dia da abertura da chamada "quinta estação do ano" nas cidades da Renânia, uma das poucas regiões da Alemanha onde o carnaval é uma festa.

Com fantasias coloridas, música, alegria e cerveja, as pessoas vão às praças centrais das cidades para, pontualmente às 11h11, declarar aberta a temporada da folia. Outra tradição, a de comer ganso assado, está ligada à vida de São Martinho.

Algumas fontes dizem que São Martinho nasceu em 316, outras mencionam o ano 336. Mas a data de sua morte está documentada: 8 de novembro de 397. Como o bispo de Tours morreu durant…

A reforma luterana : contexto historico

Ontem (31/10) foi dia da Reforma Protestante, mas como o contexto aqui no Brasil, estava voltado para as eleições presidenciais, preferi escrever hoje, dia 01. Dentre reformas religiosas no âmbito cristão, a Reforma Protestante do século 16 é a que mais impacto trouxe na história do ocidente cristão. 
Na visão protestante, 31 de outubro de 1517 é a data fundante em que ideias de protesto eclesial e reformismo religioso são tornados públicos. Inaugurava-se um novo momento na história eclesial, sendo que o teólogo e padre Martinho Lutero se tornou um dos expoentes mais incisivos dessas ideias. É neste dia que ele afixa suas 95 teses na porta do Palácio de Wittenberg, marcando o começo da Reforma Protestante na Alemanha
Ao longo dos séculos, a forma oficial de vivência da fé cristã fora se desgastando e, em muitas compreensões, afastando-se da novidade original advinda de Jesus de Nazaré. O surgimento de ordens religiosas, que se retiravam a monastérios ou conventos, pode ser compreendido …

A força da mulher alema

Só quem não é de descendência alemã que se impressiona com o meu título do artigo.  Conhecedores da fibra e coragem desta brava mulher, nada mais justo que a homenagem que 26ª Oktoberfest e Feirasul fizeram para enfocar o tema : "A Força da Mulher na Imigração Alemã."
De acordo com vice-presidente da Festa, Ivone Maria Kirst, a mulher é uma das grandes responsáveis pelo progresso das colônias alemãs. “Ela zelava pela harmonia familiar e cultivava os valores religiosos e morais além de trabalhar em igualdade com o homem”, destaca.
Fonte : Brasil Alemanha / Gazeta do Sul

Filosofo das Contradições morreu há 150 anos..

Em 21 de setembro de 1860 morria em Frankfurt am Main  um dos mais influentes pensadores do século 19. Uma figura marcada por contradições e anedotas, porém sem a qual Wagner, Nietzsche e Thomas Mann seriam impensáveis.  Obit anus, abit onus: A velha morre, a carga se vai. A frase consta do livro de contas de um certo senhor alemão do século 19. Mais de 20 anos antes, ele machucara seriamente, numa briga, o braço de uma costureira, sendo condenado a pagar-lhe uma pensão vitalícia. Agora, por fim, com a morte da ex-vizinha, a despesa estava quitada. Tanto a história como seu final não soam nada nobres, muito menos para um filósofo. No entanto, assim era Arthur Schopenhauer (1788-1860): um homem de extremos e contradições. Teoria e prática Nos atos, um Don Juan, nas ideias, um misógino, seu julgamento sobre o matrimônio era sumário: "Casar-se significa agarrar um saco, de olhos vendados, e rezar para que se ache uma enguia em meio a um monte de cobras". Além disso, por…

Intolerancias religiosas e imigração forçada tem registros históricos

Você concorda com as guerras religiosas e com a intolerância quanta a escolha da pessoa pelo seu credo religioso? Saiba que isto não é novo, e puxando o fio da meada da história, tem uma que durou trinta anos. A disputa teve rivalidades religiosas, dinásticas, territoriais e comerciais, nada muito diferente de hoje.
O legal quando se estuda a genealogia de uma familia, descobre-se histórias interessantes, esta afetou um ramos de meus ancestrais, mais especificamente os Neufang (Hans e seu filho Veit). Veit Neufang era casado com Eva Kornbacher. Com a Guerra dos Trinta Anos de fundo, a familia Neufang teve seu filho Ruprecht envolvido no conflito. As perseguições a familia Neufang eram claras, em um reino dominado pela dinastia Habsburgos, de forte influência católica, eles eram luteranos. O resultado é que imigraram para o sul da Alemanha, onde a posterior, uma mulher da familia (Maria Katharina Neufang) casou-se com Hans Peter Volz (um dos meus ancestrais)
A Guerra dos Trinta Anos…

Dia dos Pais na Alemanha

Image by Sandra Mora via Flickr Cada povo, cada nação tem suas tradições para comemorar o Dia dos Pais, aqui no Brasil o segundo domingo de agosto é a data, mas outros países tem datas distintas para agradecer aos pais pelo dom da vida. Na Alemanha não existe um dia oficial dos Pais. Os papais alemães comemoram seu dia na mesma data que Jesus Cristo ressuscitou. Eles costumam sair às ruas para andar de bicicleta e fazer piquenique.

As divertidas competições do Festival do Folclore

Nova Petrópolis, na serra gaúcha, sedia o 38º Festival Internacional do Folclore, inserido no festival as divertidas competições germânicas. 

A empolgação dos representantes das sete comunidades do Município que competiram nas provas do chopp em metro e arremesso de chopp encantaram os visitantes: “achei muito interessante esta competição, principalmente pelos integrantes que são muito festeiros”, declarou Cláudia Torres, integrante do Grupo Frutos da Terra de São Paulo.

Nesta primeira fase das competições, três comunidades diferentes conquistaram o primeiro lugar. Na prova do chopp em metro feminino, Andréia Moraes do grupo da Linha Olinda bebeu meio litro em 15,56 segundos e Jocemar Zühl de São José do Caí bebeu um litro em 29,74 segundos. No arremesso do chopp, o casal Gilberto Kooper e Adélia Weber do Centro conquistaram quatro vitórias e tiveram uma derrota. As competições germânicas seguem no próximo domingo com as provas de serrar tronco e pregar prego. Fonte: Site Oficial do Fest…

Reparações históricas religiosas na Alemanha

Certas atitudes, mesmo atrasadas, rompem com aqueles pensamentos de infalibilidade de comportamentos cometidos em nome do pensamento religioso. A manchete abaixo não poderia ser melhor (dentro do pensamento da liberdade de pensamento religioso):
"Luteranos se desculpam por perseguir menonitas séculos atrás" 
A Assembleia Geral da Federação Luterana Mundial teve como um ponto alto o pedido de perdão dos luteranos ao menonitas. Favoráveis a reformas radicais do cristianismo, eles foram perseguidos por católicos e protestantes. Até esta terça-feira (27/07), 400 delegados de 140 igrejas-membros do mundo inteiro participam em Stuttgart, na Alemanha, da 11ª Assembleia Geral da Federação Luterana Mundial. Ao todo, mais de mil participantes discutiram, durante uma semana, questões como injustiças e soluções para problemas humanitários globais. O evento teve como ponto alto o pedido de perdão dos luteranos aos menonitas, pela perseguição religiosa ocorrida 500 anos atrás.&quo…

Olimpíada em Hamburgo testa conhecimentos sobre língua e cultura alemãs

Em sua segunda edição, Olimpíada de Alemão tem a participação de 90 jovens de todo o mundo, sendo duas garotas do Brasil.  Elas têm 16 anos e aceitaram o desafio de se dedicar ao aprendizado do idioma alemão. A paranaense Amanda Upton Martinez e a gaúcha Gésica Fritsch Dorfey estão em Hamburgo, no norte da Alemanha, ao lado de quase 90 estudantes de 46 países para descobrir quem sabe mais sobre a cultura e a língua alemãs. Para a maioria dos participantes, que têm entre 16 e 19 anos, esta é a primeira vez que vêm à Alemanha. Os vencedores em cada um dos três níveis de aprendizado ganham uma viagem à Alemanha no próximo ano. Também o segundo e terceiro lugares receberão prêmios na cerimônia oficial, que ocorrerá no próximo dia 30 de julho na prefeitura de Hamburgo. O foco da Olimpíada de Alemão está em estimular os jovens a pesquisar e debater diferentes temas, como por exemplo, o que imaginam para o seu futuro e como entendem a vida na Alemanha e no seu país. A competição i…

Sistema de ensino na Alemanha

Grande parte de minha educação básica foi feita em escola privada, mantida por instituição religiosa luterana, credo religioso de minha familia. 
Foi lá que muitos conceitos de moral e cidadania foram repassado e exigidos, aliados a isto uma disciplina bem rigorosa forjaram minha personalidade.
Muita coisa mudou desde que eu sai de lá, hoje procurei saber como é o ensino na Alemanha e infelizmente descobri que no passado tivemos algumas caracteristicas semelhantes, agora estamos bem longe, sigam-me neste artigo publicado no site da Deutsche Welle: O sistema educacional alemão difere muito do brasileiro. Como os governos estaduais têm autonomia sobre seu sistema de ensino, as características podem variar de estado para estado.
Normalmente, as crianças começam a freqüentar o jardim-de-infância (Kindergarten) a partir dos 3 anos de idade. A obrigatoriedade escolar existe a partir dos 6 anos até a 9ª ou 10ª série, dependendo do estado, e no máximo até os 18 anos. 
Os jardins-de-infância s…

Alemanha, fascinio e fantasia nos castelos em exposição

É dificil encontrar, mas talvez exista alguém que não de castelos, afinal eles fascinam há séculos crianças e adultos, vou até dedicar-me a fazer um artigo só sobre o fantástico castelo de Ludwig II, da Baviera, inspirador que foi do castelo da Cinderela, de Walt Disney. Mas agora estou escrevendo para falar da Exposição em Nuremberg que revela curiosidades sobre a história dessas fortalezas.
A exposição Mythos Burg (Castelo como mito) apresenta até o próximo dia 7 de novembro, no Museu Nacional Germânico, em Nurembergue, cerca de 650 objetos. A mostra abrange peças de coleções de castelos europeus e museus internacionais, que vão de armaduras medievais até litografias. O objetivo é possibilitar ao público uma visão geral sobre o mito do castelo, da Idade Média aos nossos tempos, além de mostrar o papel que essas fortalezas desempenharam nas artes românica e gótica.
A exposição é dividida em oito capítulos, que mostram desde azulejos, passando por ilustrações e miniaturas de di…

Vozes e dialetos alemãos no Sul do Brasil

A familia Voltz, era fluente em alemão, falavam com desenvoltura no coloquial e no social, muitas vezes era incompressível para os não "iniciados" nesse interessante dialeto, muitas vezes chamado popularmente de "alemão da colônia". Essa interessante maneira de se comunicar está bem explicado abaixo, confira: 

O Hunsrückisch ou Riograndenser Hunsrückisch ("hunsriqueano riograndense") é um dialeto alemão falado na região do Hunsrück no sudoeste da Alemanha e nos estados de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná , no Brasil. Vale notar que existem vários dialetos similares em regiões vizinhas na Alemanha, do Mosel ao Franco-renâno.
Com a imigração alemã ao Brasil, no decorrer dos últimos 180 anos, o Hunsrückisch também veio a se estabelecer como uma língua regional sul-brasileira. Em vista das diferenças entre o dialeto falado na Europa e o que é praticado no sul do Brasil, em 1996, Cléo Altenhofen cunhou o termo Riograndenser Hunsrückisch. Obviamente…

Canção de Ninar em alemão

Esta linda canção de ninar, traz-me lembranças, na minha infância eu escutava ela.. é tão melodiosa e tranquila, parece uma linda prece. Trouxe aqui a letra e música (com tradução) em um vídeo emocionante de Vicky Leandros.

Guten Abend, Gute NachtCanção infantil Guten Abend, gut' Nacht!
Mit Rosen bedacht,
mit Näglein besteckt,
schlupf unter die Deck'!
Morgen früh, wenn Gott will,
wirst du wieder geweckt,
morgen früh, so Gott will,
wirst du wieder geweckt.
Guten Abend, gut'Nacht!
Von Englein bewacht,
die zeigen im Traum
dir Christkindleins Baum,
Schlaf nun selig und süß,
schau im Traum's Paradies,
schlaf nun selig und süß,
schau im Traum's Paradies.

Tradução:

Boa noite, boa noite!
preocupado com as rosas,
corados com cravos,
deslizar sob o cobertor!
Amanhã de manhã, se Deus quiser,
você vai acordar mais uma vez,
amanhã, se Deus quiser,
você vai acordar mais uma vez.
Boa noite, boa noite!
guardada por anjos,
o show em um sonho
seu filho Jesus
Durma agora de…